Portugal encontra Espanha nas meias-finais

Futsal Fem. - Seleção A

Conheça o alinhamento da Fase Final do Campeonato da Europa Feminino de Futsal, que vai decorrer em março.

Já estão definidos o alinhamento e os horários da Fase Final do Campeonato da Europa Feminino de Futsal de 2023, que vai decorrer em Debrecen, na Hungria, de 17 a 19 de março. 

O sorteio da Fase Final, que decorreu esta terça-feira à tarde, ditou que Portugal vai defrontar nas meias-finais a Espanha, campeã europeia em título, num jogo marcado para as 16h00 [hora local] do dia 17 de março.

Se ultrapassar a seleção espanhola, a Equipa das Quinas irá encontrar, a 19 de março, o vencedor da meia-final a disputar entre Ucrânia e Hungria. Esse encontro está agendado para as 20h00 locais.

Recorde-se que as duas primeiras edições do Campeonato da Europa de Futsal Feminino decorreram em Gondomar, em 2019 e 2022, com Portugal a sagrar-se vice-campeão, depois de perder nas duas finais para a Espanha.

Eis o calendário completo da Europeu de Futsal Feminino**:
Meias-finais  |17 de março de 2023 (sexta-feira)

16h00: Espanha x PORTUGAL
19h30: Ucrânia - Hungria

Final | 19 de março de 2023 (domingo)
17h00:
 Jogo de atribuição do 3.º lugar
20h00: Final

*As horas mencionadas são as locais. Em Portugal continental é menos uma hora.

Luís Conceição em discurso direto:
"Vamos encontrar a Espanha, pela primeira vez, nas meias-finais do Europeu. Sabíamos que isso podia acontecer, porque, pela primeira vez, o sorteio foi puro, sem conflitos entre países a condicionar o alinhamento da prova. Esperamos que esta mudança seja positiva para nós e que, desta vez, consigamos eliminar a Espanha. O nosso objetivo é claro: ganhar e passar à final do Campeonato da Europa.

Numa análise ao percurso e ao potencial dos quatro finalistas, há uma diferença notória entre as equipas, com Espanha e Portugal num patamar acima. Nesse sentido, poder-se-á dizer que a nossa meia-final com as espanholas será uma final antecipada. Independentemente da valia e do nome dos adversários, vamos preparar a nossa equipa para lutar pelo título que tanto procura no futsal feminino."

FPF representada no sorteio
O Coordenador das Seleções Nacionais de Futsal, Jorge Braz, e o Selecionador Nacional de Futsal Feminino, Luís Conceição, marcaram presença no sorteio desta terça-feira, em Debrecen, depois de visitarem os hotéis e o pavilhão que vai receber o Campeonato da Europa.

A Fonix Arena, recorde-se, foi o pavilhão escolhido para receber o Europeu de 2023. Trata-se de um recinto com capacidade para seis mil lugares e que recebeu o Campeonato da Europa masculino em 2010.

Histórico de confrontos com Espanha
Portugal tem um histórico desfavorável frente a Espanha, com quem perdeu na final dos últimos dois Europeus, em 2019 e 2022. Em 44 jogos frente à seleção espanhola, a Equipa das Quinas venceu 11 e empatou outros tantos, tendo perdido em 22 ocasiões.

Em matéria de golos, o saldo da formação lusa também é menos positivo: Portugal tem 89 golos marcados contra 129 apontados pelas espanholas.

CONFIRA AQUI O HISTÓRICO FRENTE A ESPANHA

Recorde o percurso dos finalistas na qualificação para o EURO-2023:

PORTUGAL
Vencedor do Grupo 3:
 Vitória por 14-0 frente a Bielorrússia, vitória por 12-0 frente a Eslovénia, e triunfo por 5-1 sobre Itália.
Melhor marcadora na fase de qualificação: Carla Vanessa com oito golos
Posição no Europeu de 2022: 2.º lugar [triunfo por 6-0 na meia-final com a Hungria e derrota por 1-4 nas grandes penalidade na final com Espanha]
Posição no Europeu de 2019: 2.º lugar [vitória por 5-1 frente a Ucrânia e derrota por 0-4 com Espanha]

ESPANHA (detentora do titulo)
Vencedora do Grupo 1:
 Vitória por 14-0 frente a Bélgica, triunfo por 6-1 ante a Suécia e por 7-2 frente à Finlândia
Melhor marcadora na fase de qualificação: Vanessa Sotelo com sete golos
Posição no Europeu de 2022: 1.º lugar [triunfo por 9-0 na meia-final com a Ucrânia e vitória por 4-1 na final com Portugal, nas grandes penalidades] 
Posição do Europeu de 2019: 1.º lugar [vitória por 5-0 na meia-final com a Rússia e triunfo por 4-0 sobre Portugal, na final]

HUNGRIA (anfitriã)
Vencedora do Grupo 4: 
Empate por 1-1 com Eslováquia, vitória por 3-2 sobre a Bórnis e Herzegozina, triunfo por 3-0 sobre a Chéquia.
Melhor marcadora na fase de qualificação: Csilla Krascsenics com dois golos
Posição no Europeu de 2022: 4.º lugar [derrotas por 0-6 com Portugal e por 1-2 com Ucrânia)
Posição no Europeu de 2019: não se qualificou

UCRÂNIA
Vencedora do Grupo 2: 
Vitórias por 5-2 frente aos Países Baixos e por 5-1 sobre a Crocácia, e empate por 1-1 com Polónia.
Melhor marcadora na fase de qualificação: Yuliya Tytova com cinco golos
Posição no Europeu de 2022: 3.º lugar [derrota por 0-9 na meia-final com Espanha e vitória por 2-1 frente à Hungria]
Posição no Europeu de 2019: 4.º lugar [derrota por 1-5 com Portugal e derrota nas grandes penalidades com Rússia, por 2-3]


;

Notícias