Tiago Martins será AVAR na Supertaça europeia

Arbitragem

UEFA vai utilizar pela primeira vez a tecnologia semi-automatizada de fora de jogo

O árbitro português Tiago Martins foi nomeado pela UEFA para ser o AVAR da Supertaça europeia, que terá lugar no próximo dia 10 de agosto, às 20 horas de Portugal Continental, No Estádio Nacional de Helsínquia, na Finlândia, entre as equipas do Real Madrid e do Eintracht Frankfurt

Este encontro, que será dirigido pelo inglês Michael Oliver, marcará a estreia da tecnologia semi-automatizada de fora de jogo, que será utilizada na próxima época na Liga dos Campeões.

Michael Oliver terá como assistentes os compatriotas Stuart Burt e Simon Bennett, com Rumšas Donatas, da Lituânia, como quarto árbitro. A função de VAR foi atribuída a Tomasz Kwiatkowski (Polónia), que será coadjuvado pelo compatriota Bartosz Frankowkski, bem como por Tiago Martins.

Tecnologia semi-automatizada de fora de jogo

Em comunicado, a UEFA anunciou esta quarta-feira que a Tecnologia Semi-Automatizada de Fora de Jogo (SAOT) vai estrear nas competições europeias de clubes no jogo da Supertaça Europeia. Além disso, o SAOT também será usado na fase de grupos da próxima temporada da Liga dos Campeões.

"A UEFA está constantemente à procura de novas soluções tecnológicas para melhorar o jogo e apoiar o trabalho dos árbitros. Este sistema inovador permitirá às equipas de VAR determinar situações de fora-de-jogo de forma rápida e precisa, melhorando o fluxo do jogo e a consistência das decisões" , disse o responsável pela arbitragem da UEFA, Roberto Rosetti.

O novo sistema funcionará graças a câmaras especializadas capazes de rastrear 29 pontos corporais diferentes por jogador. Um total de 188 testes foram realizados desde 2020, incluindo todos os jogos da Liga dos Campeões da época passada, a fase a eliminar da Liga dos Campeões feminina e a fase final completa do Campeonato da Europa feminino, bem como as restantes finais das competições de clubes.

"O sistema está pronto para ser usado em partidas oficiais e implementado em cada estádio da Liga dos Campeões", confirmou Rosetti.


;

Notícias